Destaque IEDI

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 06/04/2018

Segundo dados preliminares da UNIDO, o crescimento industrial no mundo pode ter superado 4%, mostrando vitalidade progressivamente maior ao longo do ano passado. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 03/04/2018

Os dados sobre a produção da indústria referentes a fevereiro mostram um quadro “morno” na trajetória de recuperação industrial, já que frente a janeiro o aumento foi só de 0,2%. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 19/03/2018

Em dezembro do ano passado o quadro parecia muito melhor para a economia brasileira. A indústria crescia muito na margem, os serviços também iam bem e o varejo se segurava, passadas as liquidações de novembro. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 06/03/2018

A produção da indústria brasileira tombou em janeiro (-2,4%) quase tanto quanto crescera em dezembro do ano passado (+3,1%). 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 05/03/2018

De um total de 93 ramos industriais levantados pelo IEDI, 58 registraram aumento de produção em 2017.

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 05/03/2018

Mesmo que modesto, o crescimento industrial em 2017 foi suficiente para elevar a posição do Brasil no ranking da indústria mundial. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 02/03/2018

Voltamos a crescer em 2017, segundo os dados divulgados ontem pelo IBGE. O modesto aumento do PIB (1%) foi liderado pelo consumo das famílias, enquanto os investimentos continuaram em retração.

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 15/02/2018

O índice de crescimento da indústria em 2017 de 2,5% pode ser considerado modesto, mas ao menos serviu para interromper a recessão que se arrastava por três anos no setor. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 07/02/2018

A indústria de transformação obteve um bom desempenho exportador em 2017, atingindo todas as faixas de intensidade tecnológica. As importações também aumentaram.

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 30/01/2018

A profunda crise econômica dos três últimos anos foi também uma crise de crédito. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 22/01/2018

De acordo com o Atlas da Complexidade Econômica, as exportações brasileiras subiram no ranking de complexidade, mais pelo desempenho inferior de outros países do que pelo progresso do Brasil. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 05/01/2018

O crescimento da indústria em 2017, que até novembro foi de 2,3%, não é de se jogar fora para um setor que amargou uma de suas maiores – se não a maior – recessão de sua história. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 14/12/2017

Segundo a UNIDO, o órgão da ONU para a indústria, no terceiro trimestre de 2017 o setor teve crescimento de 4,5% no mundo, bem maior que no ano passado (+2,6%). 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 08/12/2017

Os últimos resultados para a indústria trouxeram uma notícia boa e duas desfavoráveis. O setor quase não cresceu (+0,2%) e a maioria das regiões teve declínio. O lado bom é que foi majoritário o número de setores que ficaram no positivo.

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 28/11/2017

Mesmo que o dinamismo da indústria em 2017 ainda deixe a desejar, um número maior de ramos voltou ao terreno positivo. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 27/11/2017

Graças ao 3º trimestre, quando cresceu 3,1%, a indústria de transformação passou do negativo para o positivo no acumulado de 2017. 

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 17/11/2017

Os dados são da OMC e mostram que o Brasil, uma das dez maiores economias do mundo, nem de longe tem sido capaz de transformar seu poderio econômico em poder comercial.

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 08/11/2017

Enquanto a indústria brasileira segue em banho-maria, São Paulo desponta. É o maior e mais diversificado parque industrial do país e, por isso, seu mais vigoroso dinamismo pode puxar outras indústrias regionais.

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 01/11/2017

Os últimos resultados do IBGE para a indústria brasileira não são bons. Em setembro, sua produção teve virtual estagnação, com variação de apenas 0,2% frente a agosto. No mês anterior declinara 0,7%. Foi também uma evolução limitada a apenas 1/3 dos 24 ramos pesquisados, deixando no vermelho 16 setores.

DESTAQUE IEDI
Publicado em: 27/10/2017

O Brasil vive uma fase ímpar em seu comércio exterior. As exportações aumentam, tanto pelas vendas externas de bens industriais, como pelas de commodities. Esta é uma conformação mais do que bem-vinda e que ajudará o país a obter maior crescimento. Mas não é só isso: as importações também estão voltando a crescer.